Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge
siga-nos RSS Facebook YouTube
Enviar E-mail
 
Mai 2009 / Livro

 Inquérito Nacional de Saúde 2005-2006

Resumo

Objectivo: Estimar indicadores sobre o estado de saúde da população portuguesa através da realização do quarto Inquérito Nacional de Saúde.

Metodologia: Inquérito geral de saúde com recolha de dados por entrevista directa, no domicilio, a uma amostra probabilística, representativa da população residente em unidades de alojamento em Portugal. As áreas estudadas foram:

  • Estado de saúde, doenças crónicas e incapacidades (estado de saúde auto-percebido, peso e obesidade, incapacidade temporária, incapacidade física de longa duração, doenças crónicas, sofrimento psicológico), com vista à caracterização do estado de saúde e doença da população residente;
  • Cuidados de saúde e prevenção (consultas médicas, saúde oral, utilização de medicamentos, saúde reprodutiva, vacinação contra a gripe, monitorização do colesterol e tensão arterial elevada, doação de sangue, utilização dos subsistemas de saúde e seguros de saúde), com vista à caracterização dos residentes sobre comportamentos preventivos e curativos;
  • Determinantes da saúde relacionados com estilos de vida (consumo de tabaco, consumo de alimentos, consumo de bebidas alcoólicas, actividade física), com vista à caracterização dos hábitos dos residentes que podem constituir elementos preventivos da doença;
  • Qualidade de vida (qualidade de vida auto-percebida).

Resultados: Publicação com os principais apuramentos do Quarto Inquérito Nacional de Saúde, realizado em parceria pelo Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA) e pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) entre Fevereiro de 2005 e Fevereiro de 2006.

O trabalho contou também com a colaboração da Direcção-Geral de Saúde e das Secretarias Regionais dos Assuntos Sociais dos Açores e da Madeira.

É o primeiro inquérito de saúde por entrevista que abrange as populações residentes na Região Autónoma dos Açores e na Região Autónoma da Madeira, pelo que constitui o primeiro retrato da saúde em Portugal que reflecte a expressão de todos os residentes no País.

Por outro lado, a nível nacional, é também o primeiro inquérito deste tipo em que os resultados não correspondem a valores amostrais, reportando a toda a população residente, através da aplicação de um método matemático que expande as respostas individuais tendo em conta a composição etária e por sexo dos habitantes. Esta característica abrange também os resultados do inquérito realizado em 1998/1999 pelo INSA, viabilizando uma leitura da evolução temporal dos principais comportamentos face à saúde para a população residente no Continente.

As edições anteriores, incluindo a relativa ao inquérito 1998/1999, apresentavam apenas contagens amostrais, pelo que esses resultados não são comparáveis com os agora apresentados.

Ficheiros: Texto integral da publicação (PDF - 3,42 MB); Quadro 1 (XLS - 6,92 MB); Quadro 2 (XLS - 4,47 MB).

 
Autores : 
INSA e INE
 
Departamentos: Epidemiologia

Áreas de trabalho: Cuidados de Saúde, Determinantes da Saúde e da Doença, Estados de Saúde e de Doença